Notícias

  • Twitter
  • FaceBook

FPA pede a Bolsonaro revogação de decretos de demarcação de terras indígenas

SÃO PAULO (Reuters) - A Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) pediu ao presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) a revogação dos decretos de demarcação de terras indígenas e de reforma agrária, um dos itens que compõe uma "pauta prioritária" para o setor entregue ao candidato nesta quarta-feira.

Os pedidos ocorrem após a FPA manifestar apoio a Bolsonaro, que terminou o primeiro turno das eleições com 46 por cento dos votos válidos.

No documento, a FPA também defende projetos ou regulamentações de lei voltados ao licenciamento ambiental e à regularização fundiária rural e urbana.

A Frente Parlamentar também faz críticas ao tabelamento de fretes, instituído após os protestos de caminhoneiros, e pede foco na aprovação de requerimentos para que projetos hidroviários tramitem em caráter de urgência na Câmara.

Em paralelo, a FPA disse ser "urgente" que o governo edite medida provisória para permitir que empresas cerealistas possam financiar a construção de armazéns com juros subsidiados do Plano Safra, "com uma linha de crédito específica para a atividade".

Fonte: Por José Roberto Gomes, Reuters, Investing.com
(11/10/2018)
  • Twitter
  • FaceBook